MULTIDANÇAS  (BRASIL- MG -Belo Horizonte)

"EmCOMtro ou práticas de sobrevivências em tempos de guerra" 2018

 

Duração: 45’

Classificação Etária Indicativa: Livre

 

Sinopse

“EnCOMtro,ou práticas de sobrevivência em tempos de guerra” é uma proposta cênica na qual os/as participantes se valem da improvisação, guiados/as pela procura sensível de possibilidades para a convivência inventiva entre diferentes modos de pronúncia. Sua realização tem como principal finalidade provocar o diálogo e a contaminação entre corpos dançantes e suas histórias. Entre a aventura e o risco de dispor-se e expor-se, os/as artistas envolvidos/as esperam evocar uma apreensão do dançar que se delineia como práxis para a construção estético-política de espaços de colaboração, compartilhamento e valorização das diferenças.

Os intérpretes apresentam diversos ritmos musicais, mesclando gêneros e instrumentos como berimbau e violoncelo.

 

Ficha Técnica

Concepção: Márcia F Neves

DançarinXs improvisadores: Gutielle Ribeiro, Márcia F Neves, Robson Vieira e Rodrigo Peres

Músicos improvisadores: Paulo Babreck (percussionista)

Criação e execução de Luz: Robson Vieira

Fotos: Isabel Paulino  

Multidanças 

O MULTIDANÇAS surge, em 2016, como uma plataforma de encontro e colaboração entre artistas-criadores/as que transitam entre várias linguagens artísticas, como a performance, o teatro, a dança e a música. Com trajetórias marcadas por técnicas e estéticas distintas entre si, eles/elas têm como objetivo construir espaços compartilhados de investigação e criação e colaborar para atualizar noções configuradas no âmbito das artes. A primeira ação do MULTIDANÇAS se deu como uma pequena mostra selecionada para compor a programação do projeto Artes no Centro, realizado pelo Teatro Espanca, em BH. Em julho de 2016, a sua primeira proposição cênica fundada na improvisação e construída como uma proposta transversal também nomeada como MULTIDANÇAS foi apresentada no 48° Festival de Inverno da UFMG. Ainda em 2016, o MULTIDANÇAS participou do Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana – Fórum das Artes; integrou o projeto Terça da Dança, promovido pelo Fórum da Dança em parceria com a Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte. Em 2017, esteve na programação do Projeto Zás, do Teatro da Assembleia; no 5° Encontro Rede Terreiro Contemporâneo de Dança; e na 22ª edição do Fórum Internacional de Dança / FID, com a intervenção “Maravalhas”, dirigida por Benjamin Abras. Em maio de 2018, o MULTIDANÇAS retornou ao palco do Teatro da Assembleia para estrear EnCOMtro. Seus cofundadores, Benjamin Abras, Gutielle Ribeiro, Márcia F Neves Robson Vieira e Rodrigo Peres, seguem se dedicando a seus projetos artísticos individuais e/ou atuando com diferentes coletivos.